9 perguntas para… Lucca Diniz

lucca-diniz
Com apenas 16 anos, Lucca está trilhando uma carreira de sucesso. Além de um papel em ”Malhação”, ele viaja pelo Brasil com o duo LED Live, formado com o amigo Daniel Marques.
Nessa entrevista, ele fala sobre seu trabalho, seus cantores preferidos e planos para o futuro. Confira:
1. ”Malhação” é seu primeiro trabalho na TV, certo? Como surgiu a atuação na sua vida? Você sempre quis ser ator? 
Parcialmente sim. Participei do filme ”Confissões de Adolescente”, comecei a a gravar cenas do filme primeiro, mas “Malhação” estreou antes, considero meu primeiro trabalho na TV. Na verdade, meu maior sonho sempre foi ser músico, mas depois de algumas experiências como ator, vi que levava jeito e gostei da ideia.

2. Seu pai também é músico. Foi por causa dele que você começou a se interessar por essa profissão também?
Sim. Costumo dizer que meu pai é minha maior e melhor influência. Cresci ouvindo todo tipo de música e sempre reparei muito no meu pai em tudo o que ele fazia, tanto nos ensaios da banda dele quanto no seu jeito no dia a dia, e isso pegou… cresci com o mesmo pensamento que ele, mesmo gosto musical predileto e o mesmo sonho de ”ter um nome” no meio musical.
3. Poderia falar um pouco sobre o projeto LED Live?
O projeto começou na espera de uma gravação de cena pra “Malhação”. Eu e Daniel Marques nos conhecemos e na mesma hora tivemos a ideia. O nome surgiu de primeira, LED (Lucca e Daniel). Estamos levando isso cada vez mais pra frente, fazemos shows pelo Brasil todo, já temos um histórico de lugares pelos quais já passamos muito bom. Somos um Live, Dani é DJ e eu faço arranjos de guitarra para o acompanhar em ritmo eletrônico.

 

4. Escutei a música ”Seu Ar” e achei super linda. É você quem canta e seu parceiro Lucas toca? Vocês compõem juntos?
Obrigado! Essa música foi feita e gravada em casa por mim e por ele (Lucas) somente, gravei as bases de violão e cantei (gravei também a segunda voz), Lucas gravou os solos de guitarra e o baixo, a bateria é eletrônica, montamos ela no próprio computador. Foi interessante o resultado dessa música, pois eu e Lucas fizemos ela e no mesmo dia já começamos a gravar.
Ela ficou pronta de madrugada. Considero a melhor música que já gravamos.

 

5. Quais são suas bandas/cantores preferidas(os)?
Minha ”banda base” é Guns n’ Roses, considero minha predileta. No canto (voz) minha influência mais forte no momento é o Myles Kennedy, vocalista da banda Alter Bridge e da banda atual do guitarrista Slash (ex Guns n’ Roses). Na guitarra minha influência base é o Slash, sem dúvidas, uso diversas técnicas dele na guitarra em shows. No momento acompanho muito o trabalho do guitarrista D.J. Ashba. Curto também bandas como Aerosmith, Pearl Jam, bandas de pop estilo Maroon 5, e mais pesadas como Sleeping With Sirens, Pierce de Veil e Of Mice & Men.

6. Você participou do longa ”Confissões de Adolescente”. Como foi a experiência? Tem vontade de fazer mais cinema?
Foi maravilhoso, aprendi muitas coisas gravando esse filme do lado de atores mais experientes. Tenho vontade sim, fico na luta e na torcida pra ter a oportunidade de participar de mais filmes.

7. Tem algum ator no qual você se inspira ou com o qual você gostaria de contracenar?
Me inspiro muito no Jim Carrey e no Johnny Depp.

8. A atual temporada de ”Malhação” está no fim. Você estará na próxima temporada? Se não, quais são seus próximos projetos pra 2014?
Não estarei na próxima temporada. Pretendo me dedicar ao LED Live e começar a gravar um álbum solo, com músicas autorais. Pretendo falar mais sobre essa ideia quando acabar a temporada de ”Malhação”, mas já adianto que vai ser demais! (risos)

 

9. Você é super novinho e já é um fenômeno nas redes sociais – 12 mil seguidores no Twitter e 33 mil no Instagram! Você se considera uma celebridade? Como é ter tantas fãs dizendo que você é lindo, maravilhoso e perfeito?
Isso te assustou, em algum momento?

Não me considero uma celebridade. Pra mim, todos os artistas estão em constante evolução, acredito eu que todos estejam sempre abertos para aprender e com isso crescer cada vez mais. Posso fazer o tipo de algumas garotas, que por sinal me conhecem pela TV e comentam nas minhas fotos… isso nunca me assustou, na verdade, fico feliz em ler cada comentário ou mensagem de admiração. É um carinho enorme.

> Siga o Lucca no Twitter e no Instagram

> Confira também o trabalho dele no SoundCloud

Editora-chefe do site e bacharel em Estudos de Mídia pela UFF, produz conteúdo para web desde 2012. Curiosa e apaixonada por cinema, escreve aqui em sua ''Coluna Clichê'' sobre os filmes que assiste no cinema e na TV. Também colabora com o blog de design e inspirações CuteDrop.

  • Image
  • Image