CM+ | simples e completo //

All posts by Luciana Costa

image Invasão a Londres

Quem viu Invasão a Casa Branca (Olympus Has Fallen) já chega ao cinema para ver esta sequência esperando um filme eletrizante, repleto de cenas de ação e não sai decepcionado. Mas se você não viu o primeiro, não se preocupe, pode ir conferir Invasão a Londres (London Has Fallen), não tem como se perder na história.

invasaoalondres2

O elenco (quase o mesmo do primeiro filme) é um show a parte. Quem não adora ver Gerard Butler (300) e Morgan Freeman (Conduzindo Miss Daisy) atuando? O filme conta também com outro velho conhecido do público – mais uma vez no papel de presidente dos Estados Unidos – Aaron Eckhart (Batman: O Cavaleiro das Trevas). É muito interessante também ver a atriz Angela Bassett fora da série de terror American Horror Story.

Em ‘Invasão a Londres’, o primeiro Ministro britânico morre em circunstancias suspeitas, e assim, vários lideres de nações do mundo todo vão a Londres para prestar uma homenagem. Mais uma vez a vida do presidente Benjamin Asher (Aaron Eckhart) está em risco – assim como a de milhares de inocentes – e só existe um homem capaz de proteger o presidente, Mike Banning (Butler), o homem encarregado pela segurança do presidente. E aí, será que os dois amigos conseguirão escapar de mais uma ameaça terrorista?

3504

A grande diferença entre ‘Invasão a Casa Branca’ e ‘Invasão a Londres’, para mim, foi que este tem mais cenas dramáticas e mostra mais o relacionamento entre os personagens e suas personalidades, enquanto o seu antecessor era mais ação, explosão e tiro o tempo todo. Não que Londres não tenha ação; tem muito por sinal. Além disso, a trilha sonora ficou muito melhor, dando tom às cenas mais intensas.

A fotografia está espetacular e os efeitos especiais ficaram mais bem feitos que no primeiro filme. Mas confesso que apesar de ‘Invasão a Londres’ ser muito bom e valer à pena ser visto, me diverti mais com ‘Invasão a Casa Branca’ que é mais eletrizante, com tanta ação que o tempo passa mais rápido sem que o espectador consiga tirar os olhos da tela.