Café Society

landscape-1461318426-cafe-society-wooody-allen

Bobby (Jesse Eisenberg) é um jovem de Nova York decidido a mudar de vida. Determinado, ele se muda para Los Angeles para pedir emprego a seu tio Phil (Steve Carell), irmão de sua mãe, que trabalha como agente de atores de cinema e está sempre nas melhores festas da cidade. Riquíssimo e bajulado por muitos, Phil não dá muita bola para Bobby, mas após a insistência do rapaz, dá a ele o cargo de ”faz tudo” de sua agência.

Bobby começa a aprender sobre a vida em Hollywood e fica amigo de Vonnie (Kirsten Stewart), que também trabalha na agência. Juntos, os dois vão ao cinema, saem para beber, e acabam se apaixonando. Tudo vai bem… até Vonnie assumir que é comprometida. Depois de alguns meses de encontros e desencontros, Bobby retorna para a casa de sua família em Nova York e muda de profissão, mas seu passado não pode ser esquecido com tanta facilidade.

Woody Allen, mestre do roteiro e da direção, comanda com leveza essa comédia de época. Jesse Eisenberg, provavelmente em seu melhor desempenho após ”A rede social”, está fantástico como o jovem Bobby. É maravilhoso notar o amadurecimento do personagem ao longo do filme. Infelizmente não pode se dizer o mesmo de Kirsten, sempre com ar blasé e parecendo que está fazendo um grande esforço ao atuar. O casal já atuou junto em ”Férias frustradas de verão”, filme de 2009, e no recente ”American Ultra”.
No elenco também estão Blake Lively (cujo trabalho mais relevante foi ”Gossip Girl”),  Corey Stoll (de ”Homem Formiga” e ”House of Cards”) e Parker Posey (”O homem irracional” e ”Blade Trinity”).

 

Cotação: Muito bom

Editora-chefe do site e bacharel em Estudos de Mídia pela UFF, trabalha com redes sociais e produz conteúdo para web desde 2012. Curiosa e apaixonada por cinema, escreve aqui em sua ''Coluna Clichê'' sobre os filmes que assiste no cinema e na TV.

  • Image