CM+ | simples e completo //

Notícias

Omar Sy entra para o elenco de “Parque dos Dinossauros”

Omar-Sy

 

O ator francês Omar Sy (“Intocáveis”) entrou no elenco filme “Jurassic World”, reboot da popular trilogia “Jurassic Park”. O próprio ator contou a novidade em sua conta no Twitter. “Fã desta saga desde o início, estou muito orgulhoso de fazer parte do elenco de ‘Jurassic World’”, ele postou.

Ele se junta aos atores Chris Pratt (“Guardiões da Galáxia”), Bryce Dallas Howard (“A Saga Crepúsculo: Amanhecer – Parte 2”),
Vincent D’Onofrio (“Rota de Fuga”), Jake Johhson (série “New Girl”), Ty Simpkins (“Sobrenatural: Capítulo 2″), Nick Robinson (série “Melissa & Joey”) e Irrfan Khan (“O Espetacular Homem-Aranha”) no elenco.

Steven Spielberg (“Lincoln”), diretor das duas primeiras partes da trilogia, é o produtor do reboot, que foi escrita por Derek Connolly e será dirigida por Colin Trevorrow, ambos da sci-fi indie “Sem Segurança Nenhuma”. O filme será lançado nas versões 2D e 3D e tem previsão de estreia para 12 de junho de 2015 nos EUA.

Omar Sy será visto no filme de super-heróis “X-Men: Dias de um Futuro Esquecido”, no qual interpreta o mutante Bishop, com estreia marcada para 22 de maio no Brasil.

 

fonte: Pipoca Moderna

“Anjos da Noite” pode ganhar quinto filme

4408anjos

 

A batalha entre vampiros e lobisomens da franquia “Anjos da Noite” pode ganhar um novo capítulo. De acordo com o site Bloody Disgusting, a produção seria intitulada “Underworld: Next Generation”, e vai acompanhar a filha de Selena, a vampira vivida por Kate Beckinsale (“O Vingador do Futuro”) na franquia.

A sequência teria Eve (India Eisley, da série “A Vida Secreta de uma Adolescente Americana”), filha híbrida de Selene (Beckinsale) e Michael Corvin (Scott Speedman, de “Para Sempre”) como protagonista, mas não há informações sobre o retorno dos intérpretes dos pais da personagem.

O projeto ainda não tem diretor, roteirista e elenco escalados (nem sequer India Eisley), mas Len Wiseman, que dirigiu “Anjos da Noite” (2003) e “Anjos da Noite – A Evolução” (2006) e é casado com Kate Beckinsale, será novamente o produtor.

“Underworld: Next Generation” deve estrear em 2015.

Estrela de ‘Revenge’ aparece no novo pôster de ‘Capitão América 2’

A Marvel divulgou um novo cartaz nacional de Capitão América 2 – O Soldado Invernal que traz a atriz Emily VanCamp caracterizada como a personagem Sharon Carter, também conhecida como Agente 13. A atriz, que interpreta a vingativa Emily Thorne na série Revenge, terá a missão de viver uma agente secreta responsável pela segurança de Steve Rogers (Chris Evans).
De acordo com as histórias em quadrinhos da Marvel, a Agente 13 e o Capitão América se envolvem num romance conturbado, mas ainda não se sabe se isso será mostrado no filme.

Capitão América 2 – O Soldado Invernal estreia dia 10 de abril.

 

20664467

Novo “Indiana Jones” pode não ter Harrison Ford no elenco

indiana-jones-nutella

Com a aquisição da Lucasfilm pela Disney e a compra pelo estúdio dos direitos de distribuição de Indiana Jones, que estavam com a Paramount, começaram as conversas sobre o quinto longa-metragem do arqueólogo.

Em dezembro passado, o presidente de conselho do Walt Disney Studios, Alan Horn, disse que ainda a próxima aventura demoraria de dois a três anos para acontecer. Nesse cenário – otimista, já que ainda sequer existe um roteiro – Harrison Ford, atualmente com 71 anos, ainda conseguiria viver pela última vez o personagem. Mas a Disney e a Lucasfilm já se preparam para um plano alternativo.

Segundo fontes do bem informado Latino Review, a ideia que circula dentro do estúdio é trazer um novo ator, mais jovem, para protagonizar a franquia. Não se trataria de um reinício para a série, mas algo como a MGM faz há décadas com James Bond: o personagem terá um novo intérprete conforme terminarem os contratos de atores, mantendo assim o produto ativo.

O site afirma ainda que um dos favoritos da Disney, que ainda sequer foi consultado, seria Bradley Cooper, que atualmente trabalha com o estúdio em Guardiões da Galáxia da Marvel. Além disso, Frank Darabont, cineasta que esteve envolvido na série de televisão As Aventuras do Jovem Indiana Jones, já estaria sendo sondado para escrever o roteiro. Ele chegou a escrever um roteiro para Indiana Jones 4, que não foi aproveitado por George Lucas e Steven Spielberg.

No momento, a Disney e a Lucasfilm se concentram na pré-produção de Star Wars VII, que será rodado em 2015. Mas Indiana Jones não deve tardar a ter mais novidades.

 

fonte: Omelete

Dwayne ‘The Rock’ Johnson será um herói da DC?

Film-Dwayne Johnson-Franchises

 

Durante a CinemaCon que está sendo realizada em Las Vegas (EUA), um grupo de jornalistas conversou com Dwayne Johnson (G.I. Joe: Retaliação) sobre sua participação como um super-herói da DC em um futuro filme. O ator confirmou que a produtora Warner Bros. encontrou o personagem certo para ele interpretar e já está buscando roteiristas para escrever a história.
O único problema é que Johnson não quis revelar o nome do herói, e apenas falou três qualidades que este possui.

“O personagem é extremamente complexo e nós vamos ter espaço para explorar essa complexidade. Ele também é bem conhecido, mas nunca foi levado aos cinemas. Isso vai me dar a chance de colocar a minha marca em sua personalidade, ao mesmo tempo em que faço uma homenagem a quem ele é. A terceira característica é que o personagem é um bad-ass mother***ker, e tem o mesmo nível de poder do Superman”, declarou.
O ator também disse que Lanterna Verde e Adão Negro (versão maligna do Capitão Marvel) são seus super-heróis favoritos, mas que o primeiro já apareceu nas telonas e estaria “carimbado”. Assim, Adão Negro e Lobo (imagem abaixo), o alienígena motoqueiro e mercenário, são os dois personagens que mais se encaixam no perfil descrito por ele.

img5331de1333f17
Em 2012, havia um projeto sobre um super-herói da DC que seria dirigido por Brad Peyton (Viagem 2: A Ilha Misteriosa) e protagonizado por Dwayne Johnson. Na época, o ator afirmou que seria “divertido” estrelar a produção, mas esta acabou não sendo desenvolvida.
Com a DC e a Warner Bros. preparando Batman Vs. Superman e um possível longa com a Liga da Justiça, talvez agora o filme com o ator saia do papel.

 

fonte: Cinema em Cena

Indonésia proíbe filme “Noé” por motivos religiosos

indonesiaproibenoeap

As autoridades da Indonésia, um país de maioria muçulmana, proibiram a projeção do filme “Noé”, do diretor Darren Aronofsky, por questões religiosas, informou nesta terça-feira a imprensa local.

De acordo com a Junta de Censura Cinematográfica do país, a proibição está relacionada a uma representação imprópria do profeta muçulmano, a qual vai contra as doutrinas e valores islâmicos.

O diretor indonésio Joko Anwar explicou ao jornal local Jakarta Globe que esta medida costuma ser aplicada para “evitar agitações e protestos por parte de grupos extremistas”.

O longa-metragem, que traz Jennifer Connelly, Anthony Hopkins e Russell Crowe no elenco, também foi proibido nos Emirados Árabes Unidos, Catar e Bahrein.

 

fonte: EFE

Sequência de “Prometheus” deve sair em 2016

prometheus_international_poster (1)

 

A sequência da ficção científica Prometheus deve chegar aos cinemas em março de 2016. Segundo informações do site The Wrap, o veterano Michael Green foi contratado pela 20th Century Fox para refazer o roteiro da sequência (em cima dos rascunhos de Jack Paglen), ainda sem título, que começará a ser filmada no segundo semestre.

Devido ao faturamento de US$ 400 milhões de dólares com o filme original, a sequência de Prometheus virou prioridade para o diretor Ridley Scott, que finaliza agora um filme sobre Moisés, Exodus. Com isso, a produção da continuação de Blade Runner, o Caçador de Andróides na qual Ridley Scott e Michael Green trabalhavam deve ficar em segundo plano.

Ainda segundo o site, o segundo filme focará no androide interpretado por Michael Fassbender. Além das séries Heroes e Smallville, Michael Green roteirizou Lanterna Verde (2011).

 

fonte: RS

5 perguntas para… Pedro Bromfman

Premiere+Columbia+Pictures+Robocop+Red+Carpet+v2FwX_Lqh_tl
O carioca Pedro Bromfman é o compositor das trilhas sonoras dos filmes ”Tropa de Elite”,” Tropa de Elite 2 – O Inimigo Agora É Outro”, ”Qualquer gato vira lata” e ”RoboCop” (2014). Além disso, ele trabalhou no aclamado game ”Max Payne 3”. 

Nessa pequena entrevista, ele fala sobre sua carreira, a amizade com José Padilha e projetos para o futuro.

Confira:

Vi no seu site que você é músico e também estudou na UCLA. Desde sua adolescência aqui no Rio trabalhar com trilhas sonoras sempre foi um sonho? Como surgiu seu interesse?
Sempre fui apaixonado por musica, tocava violão e estudava teoria musical desde moleque. Aos 15 anos sabia que queria ser músico profissional mas nunca imaginei que trabalharia com trilhas. Estudei Jazz Performance e Composição na faculdade e pensava principalmente em ser instrumentista e produtor musical. 
Sou cinéfilo, desde pequeno adoro o cinema, mas realmente não imaginava que alguém poderia viver compondo trilhas, que haviam músicos que se especializavam nisso.


Quando me mudei para Los Angeles, depois de anos de experiencia como compositor, arranjador e instrumentista, conheci vários estudantes da pós-graduação de cinema da UCLA. Eu, sendo o músico do grupo, acabei encarregado das trilhas de vários curtas. Tive a sorte de esbarrar com esse caminho sem tê-lo planejado, mas tendo anos de estudo e dedicação que me prepararam e me permitiram segui-lo.

Você fez a trilha de diversos filmes, inclusive do nacional ‘Qualquer Gato Vira Lata’.
Você vê muita diferença entre trabalhar aqui no Brasil e nos EUA? 
Sim, principalmente se tratando de um filme de estúdio aqui nos EUA. A diferença de orçamento é enorme! Isso nos permite “pensar grande” sem restrições. Podemos teoricamente gravar qualquer trilha que possamos imaginar: orquestra, coral, solistas, etc… No Brasil em geral trabalhamos com um número limitado de músicos e termino, eu mesmo, gravando a maioria dos instrumentos.
Também existem desvantagens em se fazer trilhas para filmes de estúdio, quanto maior o orçamento de um filme, maiores são as pressões, e mais difícil é agradar a todos os produtores envolvidos. Muitas vezes temos mais liberdade financeira porém menos liberdade criativa. Mas claro que cada caso é um caso e cada filme tem as suas vantagens e dificuldades.

Como foi a experiência de fazer a trilha do videogame ‘Max Payne 3’?
Foi muito interessante, um grande aprendizado. Não jogo video games, portanto, não sabia exatamente o que esperar. A quantidade de música necessária num jogo é muito maior do que em um filme e o trabalho terminou durando quase um ano inteiro. Sinto que no cinema posso explorar melhor minha sensibilidade de músico e compositor.
Em um filme, a trilha é a grande responsável em transmitir a emoção das cenas e dos personagens, enquanto que no video game a trilha é responsável principalmente pela “adrenalina”. Com ela, estou constantemente reforçando a ação e movimentação dos personagens.

 

Você já trabalhou com o Padilha aqui no Brasil algumas vezes. Como vocês se conheceram?
Nos conhecemos nos EUA, no festival de Sundance, quando ele apresentou seu filme “Onibus 174″ por lá. Tínhamos um amigo em comum no Brasil e havíamos combinado um jantar durante o festival. Me lembro que vi o ”174” na véspera do nosso encontro e fiquei muito impactado com a qualidade e a importância daquele filme.
Fico muito feliz de ter podido fazer outros filmes importantes com o Padilha e principalmente em tê-lo como um grande amigo.

Após o sucesso de ‘RoboCop’, qual seu próximo projeto para 2014?
Tenho alguns projetos aqui no EUA sendo conversados e negociado nesse momento. Acabo de terminar uma co-produção Espanhola, tenho um filme no Brasil no segundo semestre e possivelmente uma série para Netflix.

 

pedro bromfman,lula carvalho,joel kinnaman,daniel rezende e jose padilha_0
Pedro Bromfman, Lula Carvalho, Joel Kinnaman, Daniel Rezende e José Padilha na pré estreia de ‘Robocop’

 

+ Para saber mais sobre Pedro, acesse seu site oficial.

Veja pôster do novo ‘X Men’

xmen_days_of_future_past_cartaz3-small

 

 

O diretor Bryan Singer acaba de divulgar o mais novo trailer de X-Men: Dias de um Futuro Esquecido. O filme traz o encontro das versões jovens e adultas dos mutantes da Marvel na tentativa de impedir uma ameaça que poderá mudar o destino de todos.

O filme chega aos cinemas brasileiros no dia 22 de maio.

Chris Pratt fala sobre a história de Peter Quill em “Guardiões da Galáxia”

XXX GUARDIANS-GALAXY-MOV-JY-0691.JPG A ENT

 

O ator Chris Pratt (“A Hora Mais Escura”), intérprete de Peter Quill em “Guardiões da Galáxia”, falou sobre a história do personagem em entrevista ao site Comic Book Movie. Pratt citou a família de Quill e afirmou que, no fundo, o personagem ainda é uma criança:

“Ele é como uma criança em seu coração. Ele nunca conheceu o pai. Foi sugado para o espaço assim que sua mãe morreu e foi criado por um humanoide de pele azul. Quill passou a vida toda ouvindo que deveria ser um cara durão, e esse falso senso de provocação é o resultado. Mas, no fundo ele é solitário, e enquanto viaja pelo espaço fazendo tudo o que quer, ele sente falta de sua família, de sua comunidade. Com o decorrer da história, ele aprende a se importar de novo e que há mais na vida do que apenas fazer aquilo que você quer”.

A trama de “Guardiões da Galáxia” acompanha o aventureiro cósmico Peter Quill (Pratt) que, após encontrar um misterioso artefato, se envolve em um conflito de proporções gigantescas. O que ele não sabe é que o artefato interessa a Ronan, o Acusador (Lee Pace, de “O Hobbit: A Desolação de Smaug”), um poderoso ser cujas ambições ameaçam todo o universo. Para se salvar, Quill é forçado a se aliar a um grupo de ex-condenados formados por Drax, o Destruidor (Dave Bautista, “Riddick 3”), a árvore humanoide Groot (Vin Diesel, da franquia “Velozes e Furiosos”), o guaxinim Rocket Racoon (Bradley Cooper, de “Se Beber, Não Case!”), e a letal Gamora (Zoe Saldana, de “Avatar”).

Completam o elenco Karen Gillan (da série “Doctor Who”) como Nebula, Benicio Del Toro (“Sin City: A Cidade do Pecado”) como O Colecionador, Michael Rooker (da série “The Walking Dead”) como Yondu, John C. Reilly (“O Ditador”) como Rhomann Dey, e Djimon Hounsou (“Diamante de Sangue”) como Korath. A direção é de James Gunn (“Super“).

O lançamento do filme está agendado para 31 de julho de 2014.

 

 

fonte: Cinema com Rapadura