Lincoln

lincoln

 

 

Se você acha que ‘Lincoln’, o novo filme de Steven Spielberg, é uma emocionante biografia sobre o 16º presidente dos Estados Unidos da América, pare de ler essa resenha agora mesmo.
Daniel Day-Lewis (‘Gangues de Noa Iorque’; ‘Sangue Negro’) interpreta com maestria o personagem principal nesse drama histórico que narra um momento particular da história dos EUA: A Guerra Civil.
Conhecemos seu esforço para passar na Câmara dos Deputados dos Estados Unidos uma emenda à Constituição para abolir formalmente a escravidão no país.
Porém, para que isso ocorra, a Guerra precisa terminar e ele precisa conseguir a maioria dos votos na Câmara, pois muitos não aprovam essa decisão.
Além do contexto político, conhecemos um pouco de sua vida privada, seu relacionamento com a esposa Mary (Sally Field) e com o filho mais velho, Robert (Joseph Gordon-Lewitt, incrível). O filme acompanha os últimos meses da vida de Lincoln até sua trágica morte, em um teatro.

O filme teve 12 indicações ao Oscar 2013, sendo Daniel indicado a Melhor Ator.
Destaque para o sotaque do ator e para a fotografia precisa de Janusz Kaminski (‘A Lista de Schindler’, ‘O Terminal’)
Estão também presentes nesse longa David Strathairn como William Seward; James Spader como W. N. Bilbo e Tommy Lee Jones como Thaddeus Stevens, personagem com um desfecho surpreendente.

Cotação: Muito bom

Ideal para: fãs de Spielberg e de Day-Lewis; pessoas que gostam de filmes sobre História

Editora-chefe do site e bacharel em Estudos de Mídia pela UFF, trabalha com redes sociais e produz conteúdo para web desde 2012.
Curiosa e apaixonada por cinema, escreve aqui em sua ”Coluna Clichê” sobre os filmes que assiste no cinema e na TV.

  • Image

Leave a comment