Magic Mike

 

O novo filme de Steven Soderbergh conta a história do stripper Mike (Channing Tatum), que quer largar a vida noturna e se concentrar em seu negócio próprio, como marceneiro. Mike trabalha na casa Exquisite, comandada pelo ambicioso Dallas (Matthew McConaughey), que quer expandir os negócios e se mudar para Miami com seu grupo de dançarinos em sungas diminutas, entre eles Joe Manganiello (da série ‘True Blood’).

Um dia, Mike conhece Adam (Alex Pettyfer), um jovem de 19 anos sem perspectiva de vida, que mora com sua irmã, a enfermeira Brooke (a totalmente sem expressão Cody Horn). Percebendo potencial no jovem, ele o leva para o clube, e assim, Adam, ou The Kid, como é apelidado, começa na vida de stripper, aproveitando tudo o que pode dela: mulheres, dinheiro fácil e também passando por situações difíceis, como a proximidade com as drogas.

O filme foi levemente baseado na vida de Tatum, que trabalhou em casas noturnas quando era jovem e tentava ser ator em Hollywood.
Num mundo onde estamos acostumados a ver mulheres sendo objeto de desejo, em filmes ou comerciais de TV, ‘Magic Mike’ é uma novidade nas telonas, um filme que explora não só a forma física do elenco (homens, em sua maioria), mas também um nicho nem sempre lembrado por grandes blockbusters: as mulheres.
Cotação: Muito bom
Ideal para: mulheres que queiram se divertir; fãs de Channing Tatum ou Matthew McConaughey

Editora-chefe do site e bacharel em Estudos de Mídia pela UFF, trabalha com redes sociais e produz conteúdo para web desde 2012.
Curiosa e apaixonada por cinema, escreve aqui em sua ”Coluna Clichê” sobre os filmes que assiste no cinema e na TV.

  • Image

Leave a comment