Roberto Menescal completa 80 anos e faz série de shows no CCBB RJ

Não foi à toa que a música O Barquinho virou símbolo da Bossa Nova: as imagens de luz, paz e beleza representavam a tranquilidade daquela batida suave, a doçura e a sofisticação do movimento que ganhou o mundo.  Completando 80 anos em 25 de outubro, o autor dessa canção, Roberto Menescal, segue sereno trabalhando pela música brasileira e recebe as merecidas homenagens dos amigos de todas as gerações.

Com curadoria de Giselle e Solange Kfuri, Menescal é o anfitrião de importantes nomes da música brasileira interpretando sucessos da bossa clássica, instrumental, suas influências (jazz e samba) e da nova bossa com arranjos contemporâneos, em shows nos Centros Culturais Banco do Brasil de Brasília (8 a 10 de setembro), São Paulo (21 a 24 de setembro) e Rio (19 a 21 de outubro).

Os shows de setembro e outubro apresentam sete formações – cerca de 130 arranjos novos, como ressalta o homenageado. Marcos Valle estará em Brasília (com Cris Delanno), São Paulo e Rio (com Fernanda Takai, do Pato Fu, que gravou um disco em homenagem a Nara Leão, uma das mais importantes figuras da trajetória pessoal e profissional de Menescal). 

Ivan Lins e Leila Pinheiro, expoentes da geração pós-bossa, completam o timaço de craques e se apresentam em Brasília e São Paulo.
A formação exclusiva do Rio tem Zélia Duncan, Danilo Caymmi e Wanda Sá em tributo ao mestre.

CONFIRA A AGENDA CARIOCA:

19 de outubro: 20h – Marcos Valle e Fernanda Takai

20 de outubro: 20h – Leo Gandelman, Lula Galvão e Cris Delanno

21 de outubro: 20h – Zélia Duncan, Danilo Caymmi e Wanda Sá

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)
Duração: 60 min _ Classificação indicativa: 12 anos

_

CCBB Rio: Rua Primeiro de Março, 66 – Centro – Rio de Janeiro (RJ) – (21) 3808-2020
Funcionamento: de quarta a segunda, das 9h às 21h.

 

Editora-chefe do site e bacharel em Estudos de Mídia pela UFF, trabalha com redes sociais e produz conteúdo para web desde 2012. Curiosa e apaixonada por cinema, escreve aqui em sua ''Coluna Clichê'' sobre os filmes que assiste no cinema e na TV.

  • Image