Scoop – O grande furo

A bela Sondra (Scarlett Johansson) é uma estudante de jornalismo que está em Londres visitando alguns amigos.
Um dia, ela vai ao show de um mágico, Splandini (Woody Allen, desta vez como ator e diretor), que a escolhe para participar de um de seus truques. Sondra entra em uma caixa e quando está lá dentro, recebe a ‘’visita’’ de Joe Strombel, um jornalista que morreu alguns dias antes e tem uma pista quente: ele descobriu quem é o ‘’assassino do tarô’’, um serial killer que está agindo em Londres e matando prostitutas.

Nervosa, Sondra conta a Splandini (cujo nome verdadeiro é Sidney) e os dois se unem para desvendar o mistério. O problema é que o suspeito é Peter Lyman (Hugh Jackman, o Wolverine), um homem riquíssimo, da alta sociedade londrina. Como irão se aproximar dele? Utilizando métodos duvidosos, os dois se metem em algumas confusões e conseguem penetrar no círculo íntimo de Peter, conquistando a simpatia do rapaz.

Sondra, que estava disposta a ganhar notoriedade resolvendo o mistério, se apaixona por Peter e começa a duvidar que aquele homem lindo, charmoso, culto e viajado seja o serial killer. Tudo vai bem até ela encontrar uma pista que pode mudar tudo… e também colocar a sua vida e a de Sidney em risco.

‘’Scoop – O grande furo’’ sem dúvida, não é o melhor trabalho de Allen, mas é engraçadinho e bem montado. Scarlett está ótima como a jovem desengonçada que assume outra identidade para resolver um mistério muito louco, e ela e Jackman formam um ótimo casal em cena.

 

 

Cotação: Bom

Ideal para: fãs de Woody Allen, pessoas que gostam de comédias românticas

Editora-chefe do site e bacharel em Estudos de Mídia pela UFF, produz conteúdo para web desde 2012. Curiosa e apaixonada por cinema, escreve aqui em sua ''Coluna Clichê'' sobre os filmes que assiste no cinema e na TV. Também colabora com o blog de design e inspirações CuteDrop.

  • Image
  • Image