Ayrton Senna ganhará cinebiografia

O piloto brasileiro de Fórmula 1 Ayrton Senna, que morreu após sofrer um acidente durante o GP de San Marino (Itália) em 1994, ganhará uma cinebiografia em sua homenagem com previsão de lançamento para 2020, conforme anúncio feito durante o Festival de Cannes de 2019. A informação é da Folha de S. Paulo.

O filme será dirigido e roteirizado por Luiz Bolognesi (da minissérie “Elis: Viver É Melhor do que Sonhar”). A intenção é homenagear o que seria o aniversário de 60 anos do ídolo da Fórmula 1. Além de Bolognesi, os produtores Caio e Fabiano Gullane (“Bingo: O Rei das Manhãs”), da produtora Gullane Entretenimento, também estão envolvidos, assim como o Instituto Ayrton Senna. A Gullane esteve em Cannes este ano concorrendo na competição oficial com “O Traidor”.

Detalhes sobre nome do filme, elenco e início das filmagens ainda não foram divulgados.

Leia Mais
”Agente Oculto” vai ganhar continuação na Netflix