Lista: 9 filmes sobre tênis

Wimbledon: O jogo do amor
Nessa comédia romântica, conhecemos o jogador Peter Colt (Paul Bettany). Frustrado com os próprios fracassos e desiludido com esportes profissionais, ele resolve abandonar os torneios e se tornar instrutor em um clube de luxo. Mas, ao receber a chance de competir pela última vez em Wimbledon, Peter conhece Lizzie Bradbury (Kirsten Dunst), uma linda e promissora jogadora americana que vai mudar sua vida.

Borg vs McEnroe
Um dos melhores filmes do Festival do Rio 2017, o longa mostra Björn Borg e John McEnroe se preparando para a final de Wimbledon, em 1980. Enquanto o primeiro, sueco, tido como frio e calculista, sofre a pressão de defender o título do torneio pela quinta vez  (um feito inédito); McEnroe, norte-americano, vai ter que superar o próprio temperamento explosivo para mostrar que é capaz de chegar ao topo.
CONFIRA NOSSA CRÍTICA

Guerra dos Sexos
O filme se passa em 1973 e narra a disputa de tênis entre o ex-campeão Bobby Riggs e a líder da classificação mundial Billie Jean King (Emma Stone, maravilhosa) se torna centro de um debate global sobre igualdade de gêneros. CONFIRA NOSSA CRÍTICA

Boris Becker: Der Spieler (Retrato de um jogador)
O astro alemão Boris Becker virou uma sensação quando foi campeão de Wimbledon aos 17 anos. Venceu seis torneios do Grand Slam e foi medalha de ouro nos Jogos Olímpicos. Chegando aos 50, o filme repassa momentos importantes de sua vida, como o nascimento dos filhos e os rumores de que estaria falido. Disponível na Netflix.

7 days in Hell
A comédia, uma produção da HB, é apresentada como um mockumentary – espécie de documentário-paródia – relatando o jogo ficcional apresentado como o mais longo da história do esporte. Kit Harington (de ”Game of Thrones”) atua no papel de Charles Poole, um jovem tenista britânico que sofre com a pressão de conquistar o título para seu país. Estrelas do tênis como John McEnroe e Serena Williams fazem participação especial no filme.

Venus and Serena
O documentário lançado em 2012 acompanha a vida e carreira das tenistas profissionais, Venus e Serena Williams. Ao lado de Steffi Graf, elas são as únicas que possuem o chamado Golden Slam do tênis (os 4 Grand Slams e o ouro Olímpico).

Love Means Zero
O documentário dramático parte do princípio de que jogos de tênis provaram ser os principais pontos de virada quando a lealdade de Nick Bollettieri mudou entre seus alunos. Jim Courier, Andre Agassi e Boris Becker são algumas das figuras mais famosas, além de Kathleen Horvath e Carling Bassett.
Bollettieri, agora com oitenta anos, tem sua carreira investigada mais profundamente. Sua relação com seu ego, dinheiro e barracos públicos fazem parte do filme, que estreou no Toronto International Film Festival ano passado.

The Point: Maria Sharapova
O filme, que tem menos de 1 hora de duração, foi produzido pela IMG, agência esportiva que gerencia a carreira de Maria, e mostra a história da russa “contada em suas próprias palavras, em uma intimidade crua como nunca antes”. O documentário começa justamente no momento em que Sharapova soube que havia sido pega no exame antidoping. Disponível na Netflix. CONFIRA NOSSA CRÍTICA

Legends of Wimbledon: Pete Sampras
Focado em sua carreira nas gramas de Wimbledon, o filme é focado no maior campeão masculino de todos os tempos. Este documentário segue a jornada do vencedor sete vezes de sua estréia em 1989 até sua vitória recorde em 2000.

Leia Mais
Lista: 5 séries românticas para quem gosta de “Bridgerton”