CM+ | simples e completo //

Tag Archives: o hobbit

Novo pôster de ”O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos”

A Warner Bros. Pictures lançou um pôster inédito de Lee Pace como Thranduil em O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos (The Hobbit: The Battle of the Five Armies), o último filme da épica trilogia do cineasta Peter Jackson que adapta para os cinemas a obra de J. R. R. Tolkien.

thranduil-hobbit-600x800

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos nos leva a conclusão épica das aventuras de Bilbo Bolseiro (Martin Freeman), Thorin Escudo de Carvalho (Richard Armitage) e da Companhia de Anões. Tendo recuperado sua terra natal do dragão Smaug, a Companhia involuntariamente desencadeia uma força mortal para o mundo. Enfurecido, Smaug cospe a sua ira ardente sobre os homens, mulheres e crianças indefesas da Cidade do Lago.

Obcecado pelo tesouro recuperado, Thorin sacrifica a amizade e honra para escondê-lo, enquanto as tentativas frenéticas de Bilbo em fazê-lo enxergar a razão, levam o Hobbit por uma desesperada e perigosa escolha. Escondido de todos, exceto Gandalf, o grande inimigo Sauron envia legiões de Orcs em um ataque surpresa contra a Montanha Solitária. Enquanto a escuridão converge em seus conflitos crescentes, a raça dos anões, elfos e homens devem decidir se unir ou serem destruídos.

O filme chega aos cinemas brasileiros em 11 de dezembro.

image ’50 tons de cinza’, ‘Jogos Vorazes’, ‘Mad Max’ e ‘O Hobbit’: confira trailers

Para que você não fique perdido, preparamos uma lista com os últimos trailers divulgados nos últimos 7 dias.

Resumão: o que rolou no painel de ”O Hobbit” na Comic Con

battle-of-the-five-armies-600x399

 

O painel de O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos na Comic-Con 2014 reuniu quase todo o elenco principal do filme. Não vieram a San Diego apenas Ian McKellen, Martin Freeman e Richard Armitage, que interpretam Gandalf, Bilbo e Thorin Escudo-de-Carvalho.

Cate Blanchett, Benedict Cumberbatch, Evangeliny Lily, Luke Evans, Lee Pace, Elijah Wood, Andy Serkis, Peter Jackson e a roteirista Phillipa Boyens sentaram no painel e passaram cerca de 40 minutos falando sobre o filme antes de qualquer material exibido.
Antes do falatório, foi exibido um vídeo com erros de gravações de ambas as sagas, O Hobbit e O senhor dos Anéis.

Confira um resumo de fatos que aconteceram no painel:

– Peter Jackson disse que espera abrir um museu de O Senhor dos Anéis um dia.
– Cate Blanchett disse que não usou roupa de baixo enquanto filmava O Hobbit.
– Elijah Wood disse nunca ter lido O Hobbit ou O Senhor dos Anéis.
– P.J. disse também que o tom de O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos mudará do meio para o final, afim de encaixar o filme com O Senhor dos Anéis.
– P.J. revelou que existe uma versão ainda mais longa de O Senhor dos Anéis que pode vir a ser lançada um dia.
– Benedict Cumberbatch falou sobre a Captura de Movimento do dragão Smaug. “Eu ficava rolando em um carpete no chão como um lunático”.
Andy Serkis, que faz o mesmo trabalho com Gollum, foi ovacionado pela plateia.

– Andy declarou “A magia é ter atores brilhantes no set… e não deixar a tecnologia dominar tudo” (sobre Captura de Movimento)
– Cumberbatch imitou a voz de Smaug para um fã e foi ovacionado pela plateia.
– O trailer exibido foi um teaser que mostrava um pouco da preparação para a Batalha dos Cinco Exércitos.
Pouco foi mostrado, mas havia um sentimento de nostalgia. A frase final foi “Você me seguirá… uma última vez?”.

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos estreia em 11 de dezembro no Brasil.

 

via: CineMarcado

Terceiro filme da trilogia O Hobbit vai ganhar trailer em breve, avisou P. Jackson

franquia-O-Hobbit

O diretor Peter Jackson se comunicou com os fãs através do Facebook para alertar que um teaser trailer do filme O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos está à caminho. Segundo ele, o teaser já foi finalizado e entregue à distribuidora Warner Bros. Pictures, que deve lançá-lo em breve na internet e nos cinemas.

Sobre o trailer principal do filme, Peter falou que este deve demorar até outubro desse ano para ser lançado, assim como ocorreu com os outros dois filmes da trilogia. Ele justificou que o trabalho com os efeitos visuais das batalhas ainda não estão nem perto de ficarem prontos, e isso é o principal motivo do trailer demorar a ser lançado.

Em abril desse ano o filme teve o seu título alterado de O Hobbit: Lá e de Volta Outra Vez para A Batalha dos Cinco Exércitos. Baseado no livro escrito por J.R.R. Tolkien (mesmo autor de O Senhor dos Anéis), a superprodução chegará aos cinemas brasileiros em 11 de dezembro.

Mais uma vez Ian McKellen retorna como Gandalf, o Cinzento, Martin Freeman como Bilbo Bolseiro e Richard Armitage como Thorin Escudo de Carvalho. O elenco traz Benedict Cumberbatch, Evangeline Lilly, Lee Pace, Luke Evans, Ken Stott, James Nesbitt e Orlando Bloom. John Bell, Manu Bennett, Jed Brophy, Adam Brown, John Callen, Ryan Gage, Mark Hadlow, Peter Hambleton, Stephen Hunter, William Kircher, Lawrence Makoare, Sylvester McCoy, Graham McTavish, Dean O’Gorman, Mikael Persbrandt e Aidan Turner.

 

 

fonte: CineMarcado

O Hobbit: A Desolação de Smaug

O-Hobbit-A-Desolação-de-Smaug-660x330

A COLUNISTA ASSISTIU AO FILME A CONVITE DA DISTRIBUIDORA.

Continuação de ‘O Hobbit’, que estreou nos cinemas em dezembro de 2012, ‘O Hobbit  – A Desolação de Smaug’ mostra a saga de Bilbo Bolseiro (Martin Freeman) e os anões Nori, Fili, Dori, Bofur, Gloin,  Dwalin, Thorin Escudo de Carvalho, Oin, Bombur, Bifur, Ori e Kili, que precisam recuperar a pedra Arken.

O grande problema é que a pedra está sendo guardada pelo temido dragão Smaug na Montanha Solitária. Para isso, eles deverão invadir o local e roubar a preciosidade.
Os aventureiros pensam que poderão contar com a ajuda de Gandalf, o Cinzento (Ian McKellen),mas ele parte sozinho logo no início da trama.Então, eles são liderados por Thorin, que se mostra um excelente estrategista.

A trama é bem ágil e surpreendente. A cada cena, uma novidade: os pequenos precisam fugir de Orcs e elfos; são jogados dentro de barris de vinho e enfrentam águas nem um pouco pacíficas e depois precisam confiar em um barqueiro, Bard (Luke Evans), que desconfia das reais intenções do grupo.

O dragão Smaug (voz de Benedict Cumberbatch) demora a entrar em cena, mas quando aparece, dá um show.
O sotaque incrível do ator transfere o grau de cinismo ideal ao personagem, maldoso, esperto e muito, muito vingativo.

Em quase 3 horas, o filme, que é um dos melhores do ano, indica que Peter Jackson está no caminho certo.
Depois de dirigir o excelente ‘Um olhar do paraíso’ e produzir ‘Distrito 9’, o neo zeolandês conseguiu manter o alto nível de trabalho, comandando um elenco enorme e muitas cenas de ação.
Duas das grandes surpresas da trama são os personagens Legolas (Orlando Bloom) e Tauriel (Evangeline Lilly).
Quem esperava pequenas ‘pontas de luxo’ por parte dos atores irá gostar bastante da trama envolvendo os dois.
Embora algumas cenas sejam extremamente longas, o filme agrada e promete o que cumpre: entretenimento de boa qualidade para as férias.

Cotação: Muito bom
Ideal para: pessoas que querem se divertir; fãs de Tolkien; pessoas que assistiram o primeiro filme da saga; pais com filhos maiores de 10 anos

image Você sabe o que é HFR?

Saiba mais sobre essa tecnologia inovadora!

Novo trailer de O Hobbit 2 está cheio de ação!

Quem está super ansioso (como eu) vale a pena ver o trailer até sem legenda.
O trailer tem 3 minutos de duração, a maioria com cenas inéditas em que vários personagens demonstram sua insatisfação com o desejo dos anões de recuperar seu lar.

Fãs de ‘O Hobbit’ poderão ver prévia e falar com elenco de novo filme

Hobbit-Gandalf

 

Os fãs de “O Hobbit” terão um ‘preview’ do segundo filme da trilogia “A Desolação de Smaug” depois que o diretor Peter Jackson anunciou uma apresentação mundial ao vivo no próximo mês.
Cinemas de Londres, Nova York, Los Angeles e Wellington estarão conectados por satélite no dia 4 de novembro para um evento que também inclui uma sessão de perguntas e respostas com membros do elenco, declarou Jackson em sua página no Facebook.

A diferença de horário significa que já será dia 5 de novembro para os fãs do filme da Nova Zelândia.
Jackson não disse quem participará da apresentação, mas o site oficial de “O Hobbit” informou nesta segunda-feira que Orlando Bloom, Evangeline Lilly, Lee Pace, Luke Evans e Andy Serkis estarão presentes.
Cinemas adicionais serão estabelecidos em locais selecionados em todo o mundo, onde os fãs poderão se reunir para assistir ao evento ao vivo. Ele também será transmitido pela internet.
Jackson, que é neozelandês, afirmou que novos detalhes sobre os locais e horários serão divulgados nos próximos dias nas páginas oficiais do filme no Facebook e Twitter.
“O Hobbit: A Desolação de Smaug” não deve ser lançado oficialmente antes de 13 de dezembro.
O primeiro filme da série, “O Hobbit: Uma Jornada Inesperada”, foi lançado em dezembro do ano passado, e o capítulo final da saga, “O Hobbit: Lá e De Volta Outra Vez”, tem previsão de lançamento para julho de 2014.
De acordo com o site do filme “O Hobbit”, a produção da trilogia custou até agora 561 milhões de dólares.
“Uma Jornada Inesperada” arrecadou pouco mais de 1 bilhão de dólares em bilheteria.


Fonte: AFP

Trilogia ‘O Hobbit’ já custou o dobro de ‘O Senhor dos Anéis’

 Thumbnail

Se você acha que os belos efeitos visuais da trilogia ‘O Senhor dos Anéis’ devem ter custado caro, saiba que os novos efeitos da trilogia ‘O Hobbit’ exigem investimentos muito maiores.
O diretor Peter Jackson já gastou US$561 milhões na nova trilogia, e o segundo filme, O Hobbit: A Desolação de Smaug, ainda nem chegou aos cinemas.
Esses custos incluem 266 dias de filmagem, dois meses de filmagens adicionais e principalmente os efeitos especiais.
O fato de filmar em 3D e em 48 quadros por segundo contribuiu para aumentar os preços.

Pelo menos, o primeiro episódio, ‘O Hobbit: Uma Jornada Inesperada’, já ultrapassou US$1 bilhão nas bilheterias mundiais, cobrindo tranquilamente esses custos (que não incluem a publicidade do filme, vale lembrar).
De qualquer maneira, como os três filmes de ‘O Senhor dos Anéis’ tiveram custo inferior a US$ 300 milhões e arrecadaram cerca de US$ 3 bilhões, a segunda franquia deve ser muito menos lucrativa para os estúdios Warner.

 

Fonte: Total Film/ Box Office Mojo

O Hobbit

 O-Hobbit-Filme-1

Um dos filmes mais esperados do ano de 2012, ‘O Hobbit’ chegou aos cinemas no dia 14 de dezembro e já vendeu 391 mil ingressos somente no Brasil.
Nesse filme, que teve a direção do experiente Peter Jackson (‘As Aventuras de Tintim’ e ‘Percy Jackson’), conhecemos a história que antecede ‘O Senhor Dos Anéis’, obra prima de Tolkien.

O pacato Bilbo Bolseiro (Martin Freeman, de ‘O Guia do Mochileiro das Galáxias’ e atualmente em ‘Sherlock’) leva uma vida feliz quando, repentinamente, o mago Gandalf, o Cinzento (Ian McKellen, maravilhoso como sempre) aparece e o convence a partir em uma aventura junto com Thorin Escudo de Carvalho (Richard Armitage) e mais doze anões (Fili, Kili, Óin, Glóin, Balin, Dwalin, Bifur, Bofur, Bombur, Ori, Nori e Dori) em busca do tesouro dos anões que fora saqueado por Smaug, o dragão.

Bilbo é nomeado o ‘ladrão’ do grupo e passa por várias situações tensas, como enfrentar orcs e trolls, enquanto luta por sua sobrevivência. Ele e a Companhia contam também com a ajuda de Galadriel (Cate Blanchet) e Saruman (Christopher Lee).

Uma das partes mais emblemáticas do longa se dá quando, perdido numa caverna escura e sem noção do que se passava fora dela, Bilbo encontra um anel, o Um, perto de um lago.
Conhecemos assim, a origem do personagem Gollum (Andy Serkis, em seu trabalho mais impressionante), que joga com Bilbo um jogo de adivinhas e, caso perca, será devorado por ele.
Bilbo acerta todas as charadas, descobre, num golpe de sorte, que o anel o deixa invisível e assim, sai vencedor do jogo.

As cenas finais do longa são de arrepiar, e fazendo uso de uma tecnologia cinematográfica nunca antes vista, Peter Jackson conta uma história encantadora, cheia de magia e mistérios, que agrada aos fãs de Tolkien e também aos não fãs.
A segunda parte, chamada ‘A Desolação de Smaug’, chega aos cinemas em dezembro de 2013.

 

Cotação: Muito bom
Ideal para: fãs da série, pessoas que gostam de filmes de aventura/fantasia