Exposição sobre ‘Harry Potter’ ganha versão digital com manuscritos de J.K. Rowling

Fãs da saga “Harry Potter” em todo o mundo agora têm a chance de visitar a exposição da Biblioteca Britânica dedicada ao bruxinho -sem precisar  voar até Londres.

O Google Arts and Culture -plataforma de arte e cultura da empresa, que permite que os internautas façam visitas virtuais a museus e pontos turísticos- disponibiliza uma versão digital da mostra “Harry Potter: A History  of  Magic“.

Os fãs podem ver manuscritos da autora J.K. Rowling, aprender sobre a jornada do bruxinho até as páginas e conferir artefatos e documentos históricos que inspiraram o mundo mágico da saga. Entre eles está uma xícara usada para ler a sorte, parte do acervo do Museu de Bruxaria e Magia.

Esboços das ilustrações utilizadas nos livros da saga e uma seção onde é possível explorar a aparição de animais fantásticos na literatura (como unicórnios e a fênix) também estão entre os destaques.

Os mais aficionados ainda têm a chance de “ter aulas” de feitiçaria, como as que Harry, Hermione e Ron tinham em Hogwarts. Defesa Contra as Artes das Trevas e Trato das Criaturas Mágicas são algumas das disciplinas disponíveis na plataforma, que traça um paralelo entre os livros de ficção e registros históricos sobre lobisomens e varinhas, por exemplo.

Em cartaz desde outubro, a exibição fechou as portas no fim de fevereiro, mas continuará disponível na plataforma do Google, em seis línguas (incluindo português).

Confira o passo a passo:

Passo 1. Acesse a página da exposição Harry Potter: Uma História Mágica no Google Arts & Culture CLICANDO AQUI.

Passo 2. Role a tela para ver cartões com seções da exposição. Você pode explorar melhor o tema clicando na opção “Ler”.

Passo 3. Em imagens com um ícone amarelo ao centro, o Google Arts & Culture permite caminhar pelo cenário real nos moldes do Street View. Clique no bonequinho para iniciar a visita.

Passo 4. Use o mouse para clicar e arrastar a tela a fim de ver o cenário ao redor. Ao apontar e usar o botão de rolagem do mouse, é possível ver os quadros em exposição na Inglaterra bem de perto.

Passo 5. Em seções de imagens, como as fotos dos rascunhos originais de JK Rowling, é possível ver os detalhes dos manuscritos dando zoom por meio de vários cliques com o mouse. Um dos papéis da mostra tem escrito a primeira lista de nomes de professores imaginados pela autora.

Passo 6. Há, ainda, imagens enormes na exposição. Para vê-las, role a página e navegue por seções de explicação que ampliam a foto por conta própria. Abaixo, confira um exemplo de exploração de imagens grandes com o Pergaminho Ripley, que explica a criação do elixir da vida, tema do primeiro livro da série.

Leia Mais
”Folklore”: documentário de Taylor Swift estreia com exclusividade no Disney+