Crítica: “Meninos e Meninas”

10462972_255478117981256_3840626754176835420_n
crédito: Marilene Cândido

 

Levar adolescentes ao teatro não é fácil. O musical ”Meninos e Meninas”, em cartaz no Shopping da Gávea, Rio de Janeiro, é um dos raros exemplos de peças bacanas para esse público em especial. Dirigido por Leandro Goulart e Afra Gomes, o musical, que tem em torno de 1h15 de duração, fala sobre temas que são comuns a jovens entre 12 a 18 anos: virgindade, morte de um parente querido, bullying, o primeiro porre, paixão pelo professor da escola, bulimia e direção imprudente.

Com um elenco numeroso (em cena estão 18 atores), a peça é divertida, emocionante e também faz rir. Alguns dos atores são conhecidos do grande público, como João Côrtes, o ”ruivo da propaganda da VIVO”; também Bruna Griphão, Anna Rita Cerqueira, Lucca Diniz e Eduardo Melo, que estiveram na última temporada de ”Malhação”.
Yasmin Cândido, Matheus Tederiche, Bruna Natali, Lucas Vargas, Vitória Viana, Wesley Cordeiro, Francciny Castro, Luã Bregeron, Nicolas Prattes, Lucas Cotrim e Lucas Corsino também fazem parte do elenco. Estão excelentes as atrizes Luíza Lapa e Ingrid Klug – a primeira, além de ser muito engraçada, canta absurdamente bem. Ingrid, por sua vez, emociona com seu monólogo, num dos melhores momentos da peça.

O cenário, minimalista, conta com pneus e alguns tecidos, é preto, contrastando assim com as roupas coloridas que os atores usam em cena. A proposta é que fique em evidência a performance artística das pessoas no palco. As luzes e a simplicidade do cenário corroboram com isso, sendo apenas ferramentas para os corpos.
Embora os microfones não estivessem na mesma sintonia, o grupo foi muito bem ensaiado e estavam afinadíssimos, cantando músicas como ”Fireworks”, de Katy Perry; ”Quase Sem Querer” e ”Pais e Filhos” do Legião Urbana. Todos os atores são muito bons, em especial Lucas Corsino e Lucca Diniz, que além de atuar, também tocam violão.

João Côrtes brilha em todos os momentos em que aparece. O menino é carismático e com certeza terá um futuro incrível no cenário cultural brasileiro. ”Meninos e Meninas” é uma peça jovem, e ao mesmo tempo, madura, que vale a pena ser assistida.

 

Cotação: Muito bom

 

Confira algumas fotos:

DSCN3086
crédito: Bia Medeiros

DSCN3091
a linda Ingrid Kluge, num dos melhores momentos da peça

 

DSCN3098
crédito: Bia Medeiros

DSCN3104
Eduardo e Francciny em cena (crédito: Bia Medeiros)

DSCN3111
crédito: Bia Medeiros

DSCN3115

DSCN3116

DSCN3122
a atriz Vitoria Vianna (crédito: Bia Medeiros)

DSCN3126
crédito: Bia Medeiros

DSCN3130
crédito: Bia Medeiros

DSCN3132
crédito: Bia Medeiros

DSCN3141 
crédito: Bia Medeiros

DSCN3142
crédito: Bia Medeiros

 

Editora-chefe do site e bacharel em Estudos de Mídia pela UFF, produz conteúdo para web desde 2012. Curiosa e apaixonada por cinema, escreve aqui em sua ''Coluna Clichê'' sobre os filmes que assiste no cinema e na TV. Também colabora com o blog de design e inspirações CuteDrop.

  • Image
  • Image