”Esquadrão Suicida”: Jared Leto manda recado para a Warner

3023563-poster-p-1-jared-leto-on-creativity-commerce-and-lessons-from-surviving

 

Após a estreia de Esquadrão Suicida no mundo todo, Jared Leto – assim como os fãs – tem mostrado verbalmente sua frustração com o papel do Coringa no filme (interpretado por ele próprio). Agora, o ator falou um pouco sobre o seu contrato e mandou algumas palavras para a Warner!

Nesse final de semana, durante uma sessão de perguntas e respostas no Camp Mars – uma espécie de encontro entre os fãs da banda Thirty Seconds to Mars, da qual Leto é vocalista – o ator foi perguntado mais a respeito do problema que teve com a versão final de Esquadrão Suicida, onde muitas de suas cenas foram cortadas e o personagem não teve espaço nenhum para desenvolvimento.

Um fã usou o Tumblr para registrar o que Leto disse: “Ele foi bem honesto sobre o filme nesse final de semana, e sobre seu desapontamento com o que ele descobriu da versão do filme que foi para os cinemas (ele disse ainda não ter assistido ao filme). Segundo ele, se sentiu enganado para fazer parte de algo que foi explicado a ele de modo bem diferente. Ele pensou que seria mais artístico do que o que se tornou, e está se sentindo sobrecarregado com o ódio em cima do visual e as escolhas feitas pelo estúdio.

Para finalizar, um fã chegou a perguntar se ele teria algo a dizer para a Warner Bros. pois em seu contrato com o estúdio era dito que ele não poderia escalar – uma atividade do qual Leto participa ativamente. Sua resposta foi simples, rindo, o ator e cantor disse: “Sim. E minha resposta é: que eles se f***m“.

via

Editora-chefe do site e bacharel em Estudos de Mídia pela UFF, trabalha com redes sociais e produz conteúdo para web desde 2012. Curiosa e apaixonada por cinema, escreve aqui em sua ''Coluna Clichê'' sobre os filmes que assiste no cinema e na TV.

  • Image