The story of Diana

Com pouco mais de três horas de duração, dividido em dois episódios, o documentário ”The story of Diana” nos leva a conhecer um pouco mais sobre a intimidade de Diana Spencer, que foi casada com o príncipe Charles da Inglaterra. Diana morreu prematuramente aos 37 anos, num acidente de carro em Paris com seu namorado Dodi Al Fayed.

O documentário aborda a vida de Lady Di desde sua infância, com depoimentos de seu irmão Charles e de alguns amigos mais próximos. Os pais de Diana se separaram quando ela ainda era bem pequena, portanto ela cresceu insegura e depressiva, como conta o irmão logo no início. Não ajudou o fato de seu marido Charles pular o muro com Camila Parker-Bowles, sua ex namorada de adolescência.
Fotos e trechos de entrevistas dão o tom do filme, e a segunda parte foca bastante na sua vida como mãe de dois filhos pequenos e figura constante em premiações e festas. 

Misturando drama e romance, o filme se desenrola mostrando o peso da mídia na vida de Diana principalmente depois da separação. Charles tinha ciúmes da mulher, que era linda e muito carismática, e sempre viajava com os filhos – seguidos, obviamente, por um grupo de fotógrafos, ávidos por uma exclusiva ou um momento de descuido. Num dos trechos mais interessantes, Diana conversa com um fotógrafo e pede que ele pare de fotografar o passeio familiar, pois os filhos estavam de férias e só queriam se divertir. A cena emociona por mostrar uma mulher real, de carne e osso, e que apesar dos transtornos alimentares (ela confessou em entrevista que sofria de bulimia), tentava, acima de tudo, ser uma boa mãe. O filme tem direção de Rebecca Gitlitz.

 

Cotação: Bom

Editora-chefe do site e bacharel em Estudos de Mídia pela UFF, trabalha com redes sociais e produz conteúdo para web desde 2012. Curiosa e apaixonada por cinema, escreve aqui em sua ''Coluna Clichê'' sobre os filmes que assiste no cinema e na TV.

  • Image