12 séries para maratonar no HBO Max

HBO Max finalmente chegou ao Brasil, com um catálogo que reúne séries originais, produções da HBO, desenhos do Cartoon Network, filmes e séries da DC e muito mais.

Com tantas propriedades em seu guarda-chuva, o streaming também tornou várias séries de sucesso mais acessíveis, incluindo produções exclusivas. Para saber o que curtir na plataforma, listamos abaixo 10 séries imperdíveis para conferir no HBO Max.

The Flight Attendant

Os fãs de The Big Bang Theory já têm um motivo especial para maratonar a produção original do HBO Max, já que ela é estrelada por Kaley Cuoco, a Penny.

Indicada ao Globo de Ouro em 2021 na categoria de Melhor Série de Comédia ou Musical, a produção acompanha a história de Cassie, uma comissária de bordo que acorda em um quarto de hotel, com um homem morto ao seu lado. O problema é que ela não se lembra de nada sobre a noite anterior e começa a questionar se ela própria poderia ser a assassina.

Embora tenha essa sinopse soturna, ”The Flight Attendant” acerta ao misturar drama e humor na medida certa, destacando também todo o talento de Cuoco. A produção tem uma temporada, com oito episódios.

Catherine the Great

A minissérie é protagonizada por Helen Mirren e Jason Clarke. O drama de quatro episódios é ambientado na corte da imperatriz russa Catarina, a Grande (Helen Mirren), que exerceu o poder supremo na Rússia durante quase toda metade do século 18.

Em meio a escândalos, intrigas e conflitos, eles desenvolvem uma relação única, driblando seus adversários e trabalhando juntos como arquitetos da Rússia moderna por meio de uma série de reformas. A temporada completa está disponível no streaming.

Catherine the Great', na HBO, é tão grandiosa quanto sua protagonista -  01/11/2019 - Luciana Coelho - Folha
Catherine the Great

Silicon Valley

Os nerds mais amados da HBO também estão presentes no streaming.
Silicon Valley, série que estreou em 2014, acontece em torno de quatro programadores introvertidos que trabalham na empresa Hooli, que fica no Vale do Silício: Nelson “Big Head” Bighetti (Josh Brener), Dinesh Chugtai (Kumail Nanjiani), Bertram Gilfoyle (Martin Starr) e Richard Hendricks (Thomas Middleditch). O grupo vive na casa do milionário Erlich (T.J. Miller), que por isso cobra 10% do lucro dos projetos dos gênios.

A série Silicon Valley chegou ao fim em 2019, na sexta temporada. Toda a série está disponível no HBO Max.

Mare of Easttown

A presença de Kate Winslet já seria o suficiente para maratonar Mare of Easttown, produção da HBO que gerou boas discussões nas redes sociais nas últimas semanas. Mas a série vai além, mostrando a rotina nada fácil de uma detetive que investiga um assassinato em uma cidade pequena, enquanto tenta consertar a própria vida.

Essa descrição pode parecer batida, mas é a vida de Mare que torna tudo interessante, com o contraponto entre a jovem atleta de sucesso que ela foi, e quem ela é agora dentro daquela sociedade. A produção tem tudo para figurar entre as premiações de séries este ano, então já dá para se preparar. A minissérie tem sete episódios.

Watchmen

A série de Watchmen fez muito sucesso na época de seu lançamento, então a chegada da plataforma é uma boa oportunidade para quem não acompanhou antes, ou até para quem gostaria de rever prestando atenção em certos detalhes.

Criada por Damon Lindelof (Lost), a série se passa em um futuro alternativo da história original, em que os Vigilantes são tratados como bandidos. A produção toca em temas muito atuais, como o racismo, e faz até o mais fanático pelos quadrinhos repensar as discussões desse universo.
A minissérie tem nove episódios.

Watchmen

Succession

Falando em séries premiadas, Succession é um bom exemplo de produção que está sendo comentada há algum tempo, e agora se torna mais acessível. A trama gira em torno da família Roy, que controla a maior empresa de mídia e entretenimento do mundo. Só que tudo isso é colocado à prova quando o patriarca da família está prestes a deixar seu posto e precisa escolher alguém para ser o seu sucessor.

Falando em prêmios, Succession já venceu o Emmy Awards, maior prêmio da televisão, nove vezes, incluindo categorias principais como Melhor Série de Drama, Melhor Roteiro para Série de Drama e por aí vai. No começo, os problemas da família Roy podem parecer muito questionáveis, mas quem der uma chance, com certeza será fisgado pela trama.
Succession tem duas temporadas, com 10 episódios cada.

Westworld

“Você já questionou a natureza da sua realidade?”. Essa é a pergunta que Westworld traz em sua primeira temporada, apresentando um mundo que pode parecer perfeito em um primeiro momento, mas que aflora os piores sentimentos dos homens. Criada por Lisa Joy e Jonathan Nolan, a série mostra um futuro em que parques realistas existem para que as pessoas tornem suas piores fantasias em realidade.

Mas o que acontece quando os habitantes deste lugar começam a questionar tudo isso? Com essas perguntas, a série leva o público em uma jornada que gera dúvidas e questionamentos profundos, mas também momentos memoráveis. Westworld tem três temporadas na HBO Max.

Game of Thrones

Ok, talvez o final de Game of Thrones ainda esteja ecoando na sua cabeça e essa recomendação não pareça tão boa. Mas antes de decepcionar muitos fãs, a série sobre a disputa pelo Trono de Ferro de Westeros entregou temporadas memoráveis que merecem ser revisitadas, seja você alguém que só ouviu falar sobre a trama, ou alguém que assistia todos os domingos, mas que agora pode reparar em detalhes que podem ter passado batido.

Vencedora de 59 prêmios no Emmy, Game of Thrones também foi um marco na história da televisão, tanto em termos de produção, quanto em termos de audiência e engajamento, com uma comunidade que fazia silêncio no reino todos os domingos para conferir os novos episódios. Game of Thrones tem oito temporadas no aplicativo.

GoT

Família Soprano

Agora chegamos em um clássico, daqueles quase obrigatórios para quem é fã de séries. Vencedora de APENAS 21 prêmios no Emmy, a produção foi lançada originalmente em 1999, mostrando como Tony Soprano (James Gandolfini) tenta equilibrar os problemas com sua família e com a máfia de Nova Jersey. A produção foi uma das responsáveis por inaugurar uma nova era de qualidade na TV, o que contribuiu bastante para que essa mídia seja considerada extremamente importante atualmente.

Para quem ainda não assistiu, as seis temporadas estão disponíveis no HBO Max.

Barry

Queridinha dos críticos desde seu lançamento em 2018, Barry é uma comédia de ação que chama a atenção já na sinopse: um matador de aluguel é contratado para matar um aspirante a ator. Porém, ao persegui-lo, ele acaba se apaixonando pelos palcos e decide mudar de carreira e parar de matar pessoas.

Essa descrição já deixa claro que Barry é uma série peculiar, mas que merece muito ser conferida, especialmente pela atuação de Bill Hader como o protagonista. Vencedora de seis Emmys, Barry tem duas temporadas, com oito episódios cada.

Insecure

Outro bom exemplo de série que está no mercado há algum tempo, e tem o potencial de ganhar novos fãs com a estreia da plataforma. Criada e estrelada por Issa RaeInsecure acompanha a história de Issa Dee e Molly, duas mulheres negras que passam por diversas experiências, muitas desconfortáveis.

Insecure é o tipo de comédia com a qual jovens adultos certamente vão se identificar, já que Issa passa por vários problemas dessa época da vida, como a vontade de se tornar mais confiante e a constante dúvida sobre quem você é e quem você quer se tornar. Vencedora de um EmmyInsecure tem uma temporada de oito episódios disponível na plataforma.

Insecure

I May Destroy You

Não é fácil assistir produções mais densas durante a época de pandemia, mas I May Destroy You tem uma qualidade difícil de ser ignorada. Criada e estrelada por Michaela Coel, o seriado segue Arabella, uma jovem que adora sair e estar rodeada de gente, mas começa a se questionar após ter uma nova estranha, da qual não se lembra muito.

Vencedora de mais de 20 prêmios, incluindo o BAFTA de Melhor Atriz para Coel, a série é inspirada em fatos vividos pela própria criadora e, ao contrário do que descrição pode indicar, há elementos que trazem leveza para uma narrativa tão densa.

I May Destroy You tem uma temporada, com 12 episódios.

Leia Mais
Confira o trailer de “The Chair”, série de Sandra Oh na Netflix