Exposição ‘Egito Antigo’ reúne estátuas e múmias no CCBB

O Centro Cultural Banco do Brasil do Rio de Janeiro foi inaugurado em 1989, e para celebrar essa data decidiu voltar muito mais do que seus 30 anos no tempo – alguns milhares de anos, mais precisamente até o Egito Antigo. Será esse o tema da exposição que irá comemorar o aniversário do CCBB Rio até o dia 27 de janeiro, trazendo sarcófagos, múmias, uma réplica da tumba de Nefertari, uma imensa pirâmide cenográfica com mais de seis metros e muito mais.

Intitulada “Egito Antigo: do cotidiano à eternidade”, a exposição reunirá 140 obras do acervo do Museu Egípcio de Turim, na Itália, e será dividida em três seções: vida cotidiana, religião e eternidade. Assim, do dia-a-dia da realidade do passado egípcio, passando pela natureza politeísta da religiosidade dessa civilização, chegando até suas práticas funerárias, cada aspecto do Egito Antigo e seu povo se fará presente na exposição de forma didática e interativa.

Pinturas, amuletos, esculturas, objetos, fragmentos de cerâmicas e até um Livro dos Mortos em papiro irão também compor a exposição, que também oferecerá um vídeo com reconstrução 3D de alguns monumentos e diversas outras instalações cenográficas e interativas funcionarão como uma máquina do tempo para os visitantes – e, melhor ainda, a entrada é gratuita.
A exposição “Egito Antigo: do cotidiano à eternidade” funciona de quarta a segunda, das 09hs às 21hs.
O CCBB Rio fica na Rua Primeiro de Março, 66, no Centro do Rio de Janeiro.

Leia Mais
”Vingadores”: Paul Rudd e Chris Evans falam sobre bastidores dos filmes