Julia Roberts quase desistiu de ‘Notting Hill’; saiba o porquê

Julia Roberts quase não atuou em Um Lugar Chamado Notting Hill. O filme, que viria a se tornar um dos clássicos da atriz, completou 25 anos do lançamento nos Estados Unidos nesta terça-feira (28) – mas a história poderia ter sido bastante diferente.

O longa conta a história do romance improvável entre Anna Scott (Roberts), uma estrela de Hollywood, e William Thacker (Hugh Grant), dono de uma livraria modesta em Notting Hill, Londres.

O sucesso que se estenderia por décadas após o lançamento, no entanto, não foi previsto pela própria Julia Roberts, que revelou em entrevista à British Vogue em janeiro de 2024, que interpretar uma super atriz foi, em suas palavras, “desconfortável”.

“Digo, nós falamos sobre isso muitas vezes, mas eu quase não aceitei o papel, porque era… ah bem, parecia estranho, eu nem mesmo sabia como interpretar aquela pessoa.”

Como Julia Roberts foi parar em ‘Notting Hill’?

O roteiro de Notting Hill chegou para Julia Roberts em junho de 1997, mas a proximidade do papel de Anna Scott com a própria atriz a teria incomodado em um primeiro momento:

“Que chato. Que tedioso. Que coisa estúpida para mim”, teria dito a atriz a seu agente quando leu o script, como ela relembrou em 1999 à Vanity Fair.

Leia Mais
‘Deadpool & Wolverine’ | Ryan Reynolds e Hugh Jackman virão ao Brasil