‘Não precisamos de uma Bond mulher’, afirma Ana de Armas

Daniel Craig anunciou recentemente que irá deixar o papel de James Bond e seu substituto ainda não foi definido. Porém, a atriz Ana de Armas, que interpretou Paloma em “007: Sem Tempo Para Morrer” (2021), disse que o papel do espião famoso deve permanecer sendo masculino.

A atriz cubana disse, em entrevista ao The Sun, que o longa deveria dar mais relevância para papéis femininos, ao invés de colocar uma mulher no papel protagonista. Ela relatou: ”Não há necessidade de um Bond feminino. Não deve haver necessidade de roubar o personagem de outra pessoa”.

A musa ainda disse que colocar personagens femininas no centro da trama tiraria a fantasia do espião. “O que eu gostaria é que os papéis femininos nos filmes de Bond, mesmo que Bond continue sendo um homem, sejam trazidos à vida de uma maneira diferente”, contou Ana.

Leia Mais
Kiernan Shipka entra no elenco de ‘Red One’