Quem você pensa que sou

Ludo (Guillaume Gouix) e Claire Millaud (Juliette Binoche) vivem um casamento sem graça depois de muitos anos juntos. Desconfiada de que está sendo traída, Claire, de 50 anos, decide dar o troco e cria um perfil falso em uma rede social.

Na internet ela é Clara, uma bela jovem de 24 anos, livre e misteriosa. Alex (François Civil, o novo galã francês), amigo do seu marido, é uma das pessoas com a qual Clara interage. O homem acaba se apaixonando por Clara, enquanto Claire, por trás das telas, também nutre um sentimento de amor por Alex, fazendo com que as coisas se compliquem. Ela consegue evitar o encontro ao vivo durante algum tempo, mas Alex começa a ficar cada vez mais insistente. E agora?

Desesperada, ela desabafa com sua terapeuta sobre a situação, mas não consegue abandonar Alex, num jogo de gato e rato que vai levar o jovem até as últimas consequências. O filme é interessante por se tratar de um thriller psicológico que começa no mundo virtual, libertando emoções bastante reais nos dois. As atuações de François e Juliette são perfeitas. Os atores criaram uma boa conexão em cena. François é talentoso e consegue mostrar emoção no olhar, e é merecedor de todo o sucesso que está fazendo.
A direção é de Safy Nebbou.

 

Cotação: Muito bom

Leia Mais
As golpistas