Ryan Gosling rebate críticas sobre ser velho demais para interpretar Ken

O live-action de Barbie, previsto para lançar dia 23 de julho deste ano, e vem sendo um dos filmes mais aguardados do ano. Com Margot Robbie no papel de Barbie principal, e Ryan Gosling dando vida ao Ken, o casting foi alvo de algumas críticas.
Nas redes sociais, internautas questionaram se o ator não estaria muito velho para interpretar o namorado da protagonista.

Entretanto, em entrevista para a “GQ americana”, Gosling, que tem 42 anos, abriu o jogo sobre como se sente com esses comentários.

“Se as pessoas não querem brincar com meu Ken, há muitos outros Kens para brincar”, iniciou. O ator continua dizendo que ninguém nunca havia se importado com o personagem antes do anúncio do live action.

É um pouco engraçado, esse tipo de ideia de #notmyken [#nãomeuken]. Quer dizer, você já pensou no Ken antes disso [do filme]? E todo mundo estava bem com isso, para ele ter um trabalho que não é nada. Mas, de repente, é como, ‘Não, nós nos importamos com Ken esse tempo todo’. Não, isso nunca aconteceu. Você nunca se importou… Se você realmente se importasse com Ken, saberia que ninguém se importava com Ken. Portanto, sua hipocrisia está exposta. Isso é por que sua história deve ser contada”, declarou Ryan.

Além disso, o astro de Hollywood revelou que se identifica com o personagem por ver seu “eu de criança” nele, e também, por seus filhos brincarem com os bonecos da Mattel, e ele considerar que deve ser uma história contada para o público.

“Eu me importo com esse cara agora. É como se eu fosse seu representante. Ken não pôde comparecer para receber este prêmio, então estou aqui para aceitá-lo por ele”, explicou.

Leia Mais
Emma Roberts critica uso do termo nepo baby: “Mulheres sofrem mais”