Bryce Dallas Howard fala sobre desigualdade salarial em Hollywood

A desigualdade de salário entre homens e mulheres em Hollywood é famosa no mundo inteiro, e não apenas na indústria do entretenimento. Algumas atrizes já tiveram a coragem de falar abertamente sobre o assunto em uma tentativa de mudar este cenário, entre elas, Bryce Dallas Howard. Em 2014, a estrela revelou que recebeu muito menos que seu colega de elenco Chris Pratt na nova trilogia de “Jurassic World”. 

Em 2018, circularam relatórios salariais de que  Bryce teria faturado “apenas” US$ 8 milhões em comparação com os US$ 10 milhões de Chris. Agora, no entanto, a atriz está esclarecendo os detalhes.

“Os relatórios foram tão interessantes porque recebi muito menos do que eles diziam, muito menos. Quando comecei a negociar para ‘Jurassic’, era 2014, e era um mundo diferente, e eu estava em grande desvantagem. E, infelizmente, você tem que se inscrever para três filmes e, assim, seus acordos estão definidos”, disse ela em entrevista à “Insider”.

A estrela não especificou seu salário. No entanto, ela pontuou que o ator e colega tentou remediar a situação para que ela tinha paridade salarial em todas os filmes da franquia.  “O que vou dizer é que Chris e eu discutimos isso, e sempre que havia uma oportunidade de mexer com a agulha em coisas que ainda não haviam sido negociadas, como um jogo ou uma carona, ele literalmente me disse: ‘Vocês não nem precisa fazer nada. Eu vou fazer toda a negociação. Nós vamos receber o mesmo e você não precisa pensar sobre isso, Bryce’. Eu o amo tanto por fazer isso. Eu realmente gosto, porque fui paga mais por esse tipo de coisa do que pelo filme.”

Leia Mais
Kiernan Shipka entra no elenco de ‘Red One’